Código de Ética é apresentado em forma de palestra aos servidores da AGE 04/10/2016
Apresentação do código foi feita por solicitação da própria Assessoria de Gestão e teve a participação do grupo de teatro Justiça em Palco

Com o intuito de incentivar os servidores dos outros setores do Tribunal do Trabalho da Paraíba (13ª Região), a Assessoria de Gestão Estratégica (AGE) se reuniu nesta quinta-feira, 29, na sala de treinamento da Escola Judicial, para conhecer o Código de Ética da instituição. A iniciativa foi do assessor Max Frederico Guedes, que convidou os servidores Wilson Quirino e Rodolfo de Almeida para ministrarem uma palestra abordando a importância do bom convívio a partir da conscientização de cada um.

O TRT da Paraíba foi um dos primeiros Regionais a pensar em um Planejamento Estratégico mesmo antes de ser exigido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Abordou a sua visão de cidadão e servidor público do que é ética. O código de ética foi instituído pela RA nº 024/2015 e nele estão formalizados os padrões de conduta e comportamento ético de modo a permitir que a sociedade possa assimilar e aferir a integridade e a lisura com que os servidores desempenham a sua função pública.

A reunião dos servidores da AGE contou com a participação especial de parte do grupo de teatro Justiça em Palco do TRT que apresentou a esquete "Ética uma questão de consciência". Outro objetivo do código é também usar a ética como instrumento de gestão, para se atingir a excelência dos serviços prestados à sociedade, já que constitui um dos valores institucionais constantes do Planejamento Estratégico Institucional.

Na visão do servidor Wilson Quirino, agir corretamente com as pessoas é a melhor maneira de demonstrar um comportamento ético. “Mas devemos estar atentos, porque a simplicidade com que encaramos a ética, às vezes nos faz confundir com etiqueta, aquela em que demonstra um respeito que, na realidade, não existe. Aquela que é imposta mas que falta a sua essência, a sua espontaneidade”, observou.

Segundo os palestrantes, a ética não é para ser posta apenas no âmbito do trabalho, mas pra sua vida e em todos os momentos. Eles entendem a ética como a primeira condição para que o cidadão conviva de uma forma civilizada com seus semelhantes e, talvez por isso, é que todos os segmentos da sociedade instituem seus próprios códigos de ética inclusive com seus segredos.
   

© 2005/2015 - Oficina da Cidadania